Uma pesquisa recente revelou que a maconha, considerada ilegal em muitos países, pode chegar a ser 144 vezes menos letal quando comparada ao álcool.
Em estudo publicado na Scientific Reports, foi quantificado o número de óbitos relacionados ao consumo de substâncias tóxicas, tanto legais quanto ilegais. O resultado demonstrou que a maconha é uma das drogas que apresentam menor risco aos usuários.
Os autores do estudo não mantiveram o foco apenas na contagem de mortes provocadas pelo uso de drogas, como costuma acontecer neste tipo de pesquisa. A preocupação neste caso foi a de comparar as doses letais de cada substância com a quantidade comumente consumida. Entre as drogas mais nocivas estavam o álcool, heroína, cocaína e tabaco. A maconha apresentou risco de mortalidade muito baixo entre seus usuários.
A pesquisa foi motivada após relato da polícia de Colorado, nos Estados Unidos, apontar que a medida de legalização da droga (primeiro estado a tomar a decisão no país) estava apresentando bons resultados.



Fonte: http://www.jornalciencia.com

Anúncios