Gosto muito do site do Dr Felipe Ades, Médico Oncologista, pois encontro sempre muita informação segura sobre oncologia e compartilhada de forma clara, mas hoje encontrei um texto que me encheu de alegria: “Entenda o papel fundamental do farmacêutico no tratamento contra o câncer”. E a alegria foi em dobro, pois o texto é de uma Farmacêutica que admiro muito, a Patrícia Rennó, responsável pelo site Farmacêutica Curiosa.
Esta matéria foi uma fantástica contribuição da farmacêutica Patrícia Rennó, editora do site Farmacêutica Curiosa.” Link para ler o texto todo: http://migre.me/uCF4k”Estabelecer uma boa relação farmacêutico-paciente é fundamental para garantir a adesão do paciente e o sucesso do tratamento respeitando suas limitações, hábitos e motivação para cumprir o plano terapêutico, as terapias de suporte e complementares. O farmacêutico deve aconselhar e monitorar a terapia farmacológica, aconselhando o paciente com todas as informações necessárias quanto ao modo correto de usar e armazenar os medicamentos, alertando sobre os prováveis efeitos colaterais e interações com outros medicamentos, suplementos e alimentos, efeitos na gravidez e amamentação para seguir corretamente as orientações médicas, buscando encontrar e resolver de maneira sistematizada e documentada todos os problemas relacionados com os medicamentos que apareçam no transcorrer do tratamento. Sendo assim o paciente pode vir a ter uma maior sobrevida e melhor qualidade de vida.
Parabéns Patrícia Rennó pelo maravilhoso papel que vem desempenhando com o blog Farmacêutica Curiosa, levando informação segura para os futuros profissionais Farmacêuticos, assim como também para toda a sociedade.

Para complementar, compartilho um texto da Patrícia Rennó sobre o profissional Farmacêutico:

O Farmacêutico é um profissional completo, sua formação abrange várias áreas, tais como: física, matemática, muita química, muita biologia e conhecimentos específicos da profissão; isso o habilita a atuar nas áreas de medicamentos, análises clínicas e toxicológicas e alimentos; e, ainda conhecer necessidades e determinar cuidados para promover a saúde e a qualidade de vida dos pacientes – é a “Atenção Farmacêutica”, criada para identificar e orientar no uso adequado dos medicamentos. Além dessas, várias outras áreas de atuação ainda podem ser citadas como: indústrias de medicamentos, alimentos, cosméticos, fitoterápicos, reagentes e correlatos; drogarias e farmácias comerciais e de manipulação, homeopáticas e antroposóficas; educação e pesquisa; hospitais e clínicas; saúde coletiva e legislação e em empresas de biotecnologia e domissanitários.
Enfim, o profissional farmacêutico é um orientador da saúde e sua maior recompensa é ajudar o próximo, afinal, o uso inadequado de um medicamento pode comprometer vidas; o convívio com equipes multiprofissionais de saúde permite a aplicação de todo o conhecimento adquirido e a troca de experiências; a oportunidade de comandar seu próprio negócio, também é uma grande vantagem desse profissional.

Link: http://migre.me/uCFNk

O papel do Farmacêutico é extenso, eu escolhi usar os fundamentos da Atenção Farmacêutica para empoderar pacientes visando a melhoria da qualidade de vida destes. Não posso negar que ter uma doença crônica influenciou muito nessa decisão, mas também posso afirmar que desde a gradução a Atenção Farmacêutica me fascina.

Por: Alessandra de Souza




Fonte: Farmale

Anúncios