Sociedade Brasileira de Patologia Clínica se posiciona com relação ao excesso de exames.

laboratório

O Revista Brasil conversou com o patologista clínico e presidente da Sociedade Brasileira de Patologia Clínica/Medicina Laboratorial (SBPC/ML), Alex Galoro, que falou da posição da entidade em relação ao excesso de pedidos de exames e explicou que é muito importante a conversa do médico com o paciente para fazer um diagnóstico.

Ouça a entrevista no baixando o áudio.

Baixar áudio

“O uso adequado do exame laboratorial começa com uma história clínica bem detalhada do médico com o paciente ou com exame físico que finaliza com o médico fazendo a suas hipóteses diagnósticas. E o exame vai servir para confirmar ou para excluir uma hipótese diagnóstica”, disse o presidente.

Ele explicou que sem uma boa conversa são pedidos muitos exames desnecessários. “A gente vê na prática do laboratório, no dia a dia, chegam pacientes com 30, 50, 70 exames no mesmo pedido”.

Alex esclarece que os testes laboratoriais produzem informações importantes para prognóstico, diagnóstico, prevenção e estabelecimento de riscos referentes às diversas patologias e na definição de terapias personalizadas, e são minimamente invasivos para os pacientes.




Fonte: Rádio EBC

Anúncios