Este foi um termo pesquisado no blog, então resolvi publicar:

Nexium 20 mg e 40 mg

Cada comprimido revestido de liberação retardada contém 22,30 mg de esomeprazol magnésicotri-hidratado (equivale a 20 mg de esomeprazol).

Cada comprimido revestido de liberação retardada contém 44,50 mg de esomeprazol magnésicotri-hidratado (equivale a 40 mg de esomeprazol).

Excipientes: monoestearato de glicerila, hiprolose, hipromelose, óxido férrico marrom- avermelhado, óxido férrico amarelo, estearato de magnésio, polimetacrílicocopoliacrilato de etila – acrilato de etila (1:1), celulose microcristalina, parafina sintética, macrogol, polissorbato 80, crospovidona, estearil fumarato de sódio, esferas de açúcar (28  a 30 mg), talco, dióxido de titânio e citrato de trietila.

Nexium é indicado para o tratamento de doenças ácido-pépticas e alívio dos sintomas de azia, regurgitação ácida e dor epigástrica.
-Doença do refluxo gastroesofágico (DRGE):
-Tratamento da esofagite de refluxo erosiva.
-Tratamento de manutenção para prevenir a recidiva de esofagite.
-Tratamento dos sintomas da DRGE, tais como: pirose/azia (queimação retroesternal), regurgitação ácida e dor epigástrica.
-Pacientes que precisam de tratamento contínuo com anti-inflamatórios não-esteroidais (AINE):
-Tratamento dos sintomas gastrointestinais altos associados ao tratamento com AINE.
-Cicatrização de úlceras gástricas associadas ao tratamento com AINE, incluindo COX-2seletivos.
-Prevenção de úlceras gástricas e duodenais associadas ao tratamento com AINE, incluindo COX-2 seletivos, em pacientes de risco.
-Tratamento da úlcera duodenal associada a Helicobacter pylori.
-Erradicação de Helicobacter pylori em associação com um tratamento antibacteriano adequado.
-Condições patológicas hipersecretoras incluindo síndrome de Zollinger-Ellison e hipersecreção idiopática.
-Manutenção da hemostasia e prevenção de ressangramento de úlceras gástrica e duodenal após tratamento com Nexium iv (esomeprazol sódico).

Ainda segundo a bula do produto as Reações adversas / Efeitos colaterais referentes ao tema desta postagem é:

Distúrbios da pele e tecido subcutâneo
*Incomum: dermatite, prurido, urticária e rash.
Rara: alopécia e fotossensibilidade.
Muito rara: eritema multiforme, síndrome de Stevens-Johnson e necrólise epidérmica tóxica.

A dermatite é uma reação alérgica da pele que gera sintomas como vermelhidão, coceira, descamação e formação de pequenas bolhas cheias de líquido transparente, que podem aparecer em algumas áreas do corpo ou espalhadas pelo corpo todo.

Portanto: Nexium causa manchas vermelhas no corpo?

Embora seja incomum, segundo as várias fontes consultadas, e o medicamento tratar-se de  um produto químico e todo produto é passível de causar efeitos colaterais e ou adversos, e os seres humanos não respeitam as regras matemáticas e estatísticas, pois cada organismo é um mundo em si, teoricamente a resposta mais acertada é : talvez!

 




 

Fonte:

http://www.medicinanet.com.br/bula/3684/nexium.htm

http://www.anvisa.gov.br/datavisa/fila_bula/frmVisualizarBula.asp?pNuTransacao=8108232013&pIdAnexo=1804438

http://www.minhavida.com.br/saude/bulas/358-esomeprazol-magnesio-comprimido-revestido-de-liberacao-retardada

Anúncios